domingo, 26 de outubro de 2014

Sei lá.


Foi a decisão mais difícil que tomei, sem duvida, mas foi necessário. Desci do ônibus com um aperto enorme no peito, cada passo era uma agulhada maior dentro de mim. Segurei as lágrimas, precisava ser firme, mesmo sabendo que não aguentaria bancar a durona por muito tempo. Assim que o vi as lágrimas rolaram, ele me abraçou, pediu para que eu não fosse embora, pediu perdão - mas a decisão já estava tomada. Assim que tirei aquela coisinha minuscula de meu anelar um vazio se instalou dentro de mim. Entreguei-a ele e fui embora. Chorei, solucei. Queria gritar. Parecia que uma parte de mim tinha ficado para trás. Meu instinto dizia para correr na direção oposta a que eu estava indo. Voltar para onde ele estava, abraça-lo e ficar lá para sempre. Mas eu não podia. Não mais. Não por enquanto.

8 comentários:

  1. __Voltar para onde ele estava, abraça-lo e ficar lá para sempre. Mas eu não podia...Lindo, um texto intenso, porém sutilmente romântico, gostei e dxo pra guria amiga do tio, beijinhos e beijinhosssssssssssss

    ResponderExcluir
  2. Bonita
    uma decisão de coração...magoa

    e quem sabe mais tarde recordar ? ~_

    Xoxo de aqui dos calhaus frios da Serra

    Feliz semana, e que tal umas novidades ao teu olhar
    sobre as Eleições ?

    ( Esse Neves tresanda a momentos passados...penso eu ) Fascismo

    ResponderExcluir
  3. -Puxa.
    Ó, pra chegar a esse ponto de tomar uma atitude dessa, acredito que foi necessário.
    Ninguém acaba assim.. de uma outra pra outra.
    Ti desejo força e que as coisas mude.

    ResponderExcluir
  4. Precisa ter muita coragem para terminar um relacionamento, mas a gente precisa as vezes pensar na gente. Colocar muita coisa na balança.
    Vai doer durante um tempo, mas logo passa.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  5. Sinto muito que estejas a passar por essa fase complicada, espero que em breve possas voltar a sorrir :)

    http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/

    ResponderExcluir
  6. Algumas decisões são realmente complicadas, principalmente separações. Mas, com o tempo, tudo volta ao eixo correto.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de novembro

    ResponderExcluir
  7. OI, passei pra t dxar um beijinho e um mimo, só...Mais um bjinhooooooo...

    ResponderExcluir