sábado, 20 de dezembro de 2014

A ultima batalha - C.S. Lewis

Bom, eu realmente queria escrever sobre minha vida, meu relacionamento, trabalho e alguns fantasmas que rondam minha mente, assim também como contos, porém minha falta de tempo e não ter um computador em casa impedem/dificultam tudo isso. Então, vamos com mais uma resenha:

As Crônicas de Nárnia: A ultima Batalha - C.S. Lewis

Bem, este é a última crônica que encerra o livro. Nos primeiros capítulos apenas uma coisa passou pela minha cabeça: vontade de rasgar as páginas de tanta raiva por causa de uma macaco que se achava o “bam bam bam” e fez coisas terríveis (como fazer dos Nárnianos escravos dos Calormanos). No decorrer desta crônica vemos que vários seres, anões, animais são enganados e muitos passam a desacreditar em Aslam. Quando o rei Tirian (último rei de Nárnia) se encontra em apuros, Eustáquio e Jill novamente aparecerem, mas desta vez não foi porque foram chamados, mas sim por um motivo maior que não só os levou ali, mas também Lorde Digory, Lady Polly, Rei Pedro, Rei Edmundo e Rainha Lúcia (a última coisa que lembram é de um barulho no trem em que estavam antes de serem transportados para Nárnia). Acontece que com o “mal” em Nárnia, ela é destruída e todos os seres daquele mundo vão para um outro lugar: Uma Nárnia maior e mais bonita, onde há um jardim com portões de ouro onde estão todos os habitantes bons que já passaram por Nárnia – desde o primeiro rei e rainha que estavam com Polly e Digory em sua aventura, no primeiro dia de Nárnia, até o príncipe Tirian, último rei de nárnia que lutou a última batalha (para salvar os Nárnianos dos Calormanos). O narrador encerra esta aventura contando que Aslam ao falar com todos os presentes ali, no decorrer não parece mais um Leão, mas sua magnitude e beleza era tão grande, que não seria possível descreve-la, só quem iria para lá um dia, poderia conhecer.

Páginas: 112.

Nota: 5. 

Tento voltar em breve.

8 comentários:

  1. Estória muito vigorosa em imaginação, achei engraçado vc querer rasgar o livro.

    :)

    ResponderExcluir
  2. Olá Bonita
    antes de mais desejo já um belo e feliz Natal
    e um portátil é o que aconselho ao Pai Natal
    como prenda...~_*

    Beijinhos de aqui dos calhaus da Serra da Estrela
    frios que nem há como descrever
    mas também um grande e radioso fim de semana

    ResponderExcluir
  3. Eu tentei ler nárnia trinta mil vezes, mas nunca terminei. Canso, acho massante e eu adoro a história, sabe? Quando leio sobre ou vem alguém me contar, mas sei lá, eu começo a ler e já tenho vontade de colocar na prateleira e pegar outro.

    http://www.novaperspectiva.com/

    ResponderExcluir
  4. Narnia é uma obra simplesmente fantástica, apaixonante! Espero que possas regressar o mais rápido possível :)

    http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/

    ResponderExcluir
  5. Querida amiga Rapha

    Desejo para ti
    braços bem abertos
    para receber com carinho
    o ano que se aproxima.
    Ele traz um presente:
    - Uma vontade de que olhes
    para alguém ou para alguma coisa,
    com olhos de primeira vez.
    Recebendo este presente,
    as sementes de alegria que te habitam,
    estarão recebendo seu melhor alimento,
    e assim se transformarão em realidade,
    perfumando sua vida e sua alma
    com sua maravilhosa, única e infinita
    essência de felicidade.

    Um ano novo de olhares novos para ti.

    Aluísio Cavalcante Jr.

    ResponderExcluir
  6. De narnia, so vi o primeiro filme mesmo, depois nao saiu mais nada e nunca mais voltei a ouvir nada dela =/

    Link novo, Layout novo e Post novo! Depois de um dia dedicado ao blog, ve os resultados!

    http://filipaalexandrablog.blogspot.pt/2014/12/metas-para-2015-lista-para-metas.html

    PS: Não esqueças de votar na barra lateral!

    ResponderExcluir
  7. Entre os sete livros, A Última Batalha fica quase no fim da lista da minha ordem de favoritos, porque na época em que eu o li, não me conformava com o fato de Nárnia ter chegado ao fim por conta de uma peça que um macaco pregou. A história acaba sendo maravilhosa como as outras, mas esse começo foi difícil de passar. Faz quase cinco anos que eu li, mas As Crônicas de Nárnia continua sendo uma das minhas séries favoritas. :)

    Espero que você consiga logo ter tempo e teu computador de volta para escrever sobre si. É muito bom externizar essas coisas e exercitar a criatividade. Aproveito para te desejar um Feliz Ano Novo! Beijinhos.

    ResponderExcluir