sábado, 17 de março de 2012

Conto de fadas.


Era uma garota feliz, serelepe, sempre a cantar e a dançar, sempre pensando em como havia sido o dia de hoje e imaginando que roupa iria vestir amanhã. Sempre com um sorriso na boca e respostas prontas a serem ditas, mas como todo o resto, isso mudou. O conto de fadas havia sumido, deixando só uma vida em que ninguém estava nem ai para ninguém, onde todos só pensam em si mesmos. Uma vida mais dificil, cheia de responsabilidade, mais dura, mais complicada, em que momentos felizes não duravam para sempre. Ah, o para sempre, ela nem acreditava mais se era real.

8 comentários:

  1. Nossa esse texto descreve exatamente o que acontece comigo amei seu blog,é lindo estou te seguindo *-*

    http://izadorasantana.blogspot.com

    Beijinhoo's.

    ResponderExcluir
  2. Ahhh que lindo, mais uma vez parabéns pelo blog *---*

    ResponderExcluir
  3. Demorei para visitar teu segundo blog mas estou aqui (e seguindo já).
    A realidade dos contos de fada é sempre mais tocante, mais bonita, mais sofrida...
    Gosto das suas palavras e de como as coloca.
    Grande abraço. (http://andrefoltran.blogspot.com/)

    ResponderExcluir
  4. E me diga minha cara, quem nunca se sentiu assim, pelo menos uma unica vez na vida? Lhe digo com toda a certeza que de todas as frustrações da minha vida, a maior der todas - que já superei - for ter que crescer, ter de amadurecer e ver que meus pais na tentativa de preservar minha inoscencia, esqueceram de proteger meu coração para que ele não sofresse com o mundo lá fora que não é nenhum conto de fadas, pelo menos não como o de antes, quando era apenas uma menina. Teimo em dizer que a vida é boa, é fácil e muuuuito mais do que maravilhosa, eu amo viver, mas a de se ter esperteza para o mesmo, pois se você não possuir o minimo de vontade de tentar melhorar a cada dia independente de merecimento, circunstancias e etc... Ela se tornará dificil!!!
    Amei o terxto, me fez lembrar tudo o que ja passei e hoje respiro aliviada de ter passado, essa transição é a pior das piores, mas de fato é necessária.

    ResponderExcluir
  5. Olá querida, fiquei muito contente com seu comentário sobre a minha história...
    Eu comecei a escrevê-la faz um tempo, mas estava receosa em postar... Pensei mil vezes, numa dúvida terrível... tinha insegurança de que as pessoas não fossem gostar. Mas resolvi arriscar. Seu comentário me deu ânimo. Obriga mesmo, de coração!
    Ah! já postei o capítulo II (http://meninaapenas.blogspot.com.br/2012/03/recomeco_19.html)

    Beijos meus,
    Cuide-se

    ResponderExcluir
  6. Ouu qeurdia!
    Que legal, é bom poder ver nossos textos em outros blogs, por isso como estou grata pelo espaço, publiquei um texto seu lá no meu cantinho com sua autoria, indicando o seu blog!
    Deus abençoe sua vida, e considero você uma leitora muito especial no meu blog, obrigada por tudo!
    asoonhadora.blogspot.com/

    ResponderExcluir